Site do Cachorro
Site do Cachorro
Seu perfil | Cadastro | Membros | Procura | Ajuda
Salvar senha
Usuário:
Senha:
Esqueceu sua Senha?

 Todos os Fóruns
 Discussões sobre:
 Outros assuntos
 CARROCINHA, O LADO BOM E RUIM...
 Novo tópico  Responder o tópico
 Imprimir
Autor Tópico anterior Tópico Próximo tópico  

aline sodero

105 Mensagens

Postada em - 30/01/2007 :  11:12:43  Mostrar perfil  Incluir resposta com citação  Incluir resposta





O Que é Carrocinha ou CCZ


Carrocinha é o nome dado aos veículos que os Centros de Controle de Zoonoses do Brasil, usam para capturar animais errantes. Os CCZs também recebem animais entregues por seus donos, descartados pelas mais diversas razões, mas que no fim das contas tem apenas um nome: ABANDONO.


 


As instalações da grande maioria desses canis públicos são precárias e esse fato, por si, já configura maus tratos aos animais apreendidos. O cambão (instrumento usado para laçar os animais), quando usado por pessoal sem preparo - o que representa a grande maioria dos casos - pode deslocar o maxilar, quebrar dentes ou mesmo causar danos na coluna, fraturas nas patas e até mesmo a morte do animal. 

Crueldades com Animais

A CONDUPARA








Guarulhos dá exemplo e humaniza a carrocinha

Houve até quem se emocionasse, há dias, ao ver nos jornais de TV o trabalho pioneiro do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Guarulhos para humanizar a captura de cães e gatos nas ruas daquele município da Região Metropolitana paulista. Desde março último, a carrocinha que chegava a ser símbolo da maldade aos olhos de quem ama os animais, principalmente as crianças, ganhou novo sentido. Seus operadores, especialmente treinados, não proporcionam os tristes espetáculos de caçada a laço de bichos destinados ao extermínio. Chegam a carregá-los no colo, procuram descobrir quem os abandonou e os transportam em caixas especiais até o centro veterinário onde recebem tratamento e um chip de identificação, em canis individuais.

O trabalho, inédito no País, começou depois da realização, naquela cidade, do curso de Formadores Oficiais de Controle Animal (Foca), da Sociedade Mundial Protetora de Animais. Segundo a veterinária e coordenadora do CCZ, Cristina Magnabosco, a nova técnica decorre de observações sobre o comportamento animal. O laço não é mais necessário: "Antigamente, o cachorro era laçado e colocado na carrocinha. Agora, ele é capturado no colo e colocado dentro de caixas que são transportadas pela carrocinha", diz. A mudança provoca menos traumas nos animais capturados, no profissional e na população.


Adoção e identificação


Além disso, a carrocinha tem novas prioridades. Os alvos principais passaram a ser cães e gatos sem dono, abandonados nas ruas ou doentes, o que não impede que outros animais sejam recolhidos. Caso isso aconteça, o dono deve pagar uma taxa de resgate que varia de R$ 15,30 a R$ 24. No quarto dia após a captura, se não tiver sido resgatado, o animal é encaminhado para adoção. Só cães e gatos doentes ou agressivos são sacrificados.







Os animais são recolhidos a canis individuais, como esses


Cristina esclarece que cerca de 90% dos animais trazidos pela carrocinha ao CCZ têm dono. "Se conseguirmos comprovar negligência por parte do proprietário, ele pode ser multado", alerta.


Os bichos adotados recebem gratuitamente um chip eletrônico de identificação. Já as pessoas que quiserem colocar a cápsula em seu bicho de estimação devem ir ao CCZ e pagar uma taxa de R$ 24.


Do tamanho de um grão de arroz, o chip contém informações do animal (nome, cor, raça, pelagem, idade, peso, sexo, carteira de vacinação etc.) e do dono (nome, endereço, RG, CPF, telefone e celular). É aplicado na nuca, com uma seringa descartável, sem necessidade de anestesia.


A microcápsula funciona como se fosse um código de barras. Possui um número, válido em todos os países, por meio do qual é possível ter acesso aos dados, ao se passar um leitor eletrônico na nuca do animal.


O chip representa uma modernização por ser muito mais eficiente que o RGA (Registro Geral do Animal), usado anteriormente. É intransferível, ao contrário da coleira RGA. 


Mensalmente, 400 animais são pegos e encaminhados ao CCZ. Cerca de 90% deles têm dono. A Prefeitura de Guarulhos realiza feiras mensais para adoção gratuita e, desde 2001, já foram adotados mais de três mil cães e gatos, todos com chip ou RGA.


Mensagem para O JORNAL


Volta à 1.ª página

TA DAS CARROCINHAS


MALTRATAR ANIMAIS É CRIME PREVISTO EM LEI!


EXEMPLOS DE MAUS-TRATOS:


PROCURE UM VETERINÁRIO E CASTRE O SEU ANIMAL!


POSSE RESPONSÁVEL!


O QUE ACONTECE COM UM ANIMAL ABANDONADO


- NÃO ABANDONE - ISSO É CRIME PREVISTO EM LEI.


- DENUNCIE - ISSO É UM ATO DE CIDADANIA.


Praticar maus-tratos contra animais é crime previsto no art. 3º do Decreto Federal 24.645/34.


- Se você presenciar alguém abandonando ou mal-tratando um animal, você deve denunciá-lo à delegacia!


- Se você maltratar ou abandonar um animal você estará cometendo um crime e poderá ser condenado por isso!


- Abandono de animais;


- Manter animal trancado em locais pequenos ou sempre preso a correntes,


- Manter animal em lugar sem higiene;


- Utilizar animal em shows que possam lhe causar pânico ou estresse;


- Não procurar um veterinário se o animal adoecer.


Você estará fazendo um bem para a saúde dele. Estará evitando crias indesejadas e futuros abandonos.


Exemplos:


- Uma cadela e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 73.000 .


- Uma gata e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 240.000 gatos.


- Não há lares para tantos animais assim, por isso CASTRE O SEU BICHINHO!


- Antes de ter um animal saiba que cães e gatos vivem em média 12 anos.


- ADOTE um animal de rua, você estará ajudando uma vida!


- VACINE regularmente seu animal.


- CASTRE os machos e as fêmeas.


- NUNCA bata em seu animal, ele sente dor.


- ABRIGUE seu animal da chuva, do sol e do frio.


- NUNCA deixe seu animal sem água ou comida!


- NÃO deixe seu animal preso a correntes!


- Passa fome, sede e frio.


- É vítima de atropelamentos, espancamentos, estupros e mutilações.


- Quando vai para a carrocinha, é morto de forma cruel!


- Envenenar, golpear, agredir fisicamente ou mutilar um animal;


cães


- IDENTIFIQUE SEU ANIMAL: Coloque coleira com plaqueta, com o seu nome, endereço e telefone.


DIGA NÃO À CRUELDADE - JUNTE-SE A NÓS NESSA LUTA


CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR


WWW.PEA.ORG.BR


ANIMAIS CAPTURADOS PELA CARROCINHA: TORTURA, SUPERLOTAÇÃO, CANIBALISMO, MORTE


MALTRATAR ANIMAIS É CRIME PREVISTO EM LEI!


EXEMPLOS DE MAUS-TRATOS:


PROCURE UM VETERINÁRIO E CASTRE O SEU ANIMAL!


POSSE RESPONSÁVEL!


O QUE ACONTECE COM UM ANIMAL ABANDONADO


- NÃO ABANDONE - ISSO É CRIME PREVISTO EM LEI.


- DENUNCIE - ISSO É UM ATO DE CIDADANIA.


Praticar maus-tratos contra animais é crime previsto no art. 3º do Decreto Federal 24.645/34.


- Se você presenciar alguém abandonando ou mal-tratando um animal, você deve denunciá-lo à delegacia!


- Se você maltratar ou abandonar um animal você estará cometendo um crime e poderá ser condenado por isso!


- Abandono de animais;


- Manter animal trancado em locais pequenos ou sempre preso a correntes,


- Manter animal em lugar sem higiene;


- Utilizar animal em shows que possam lhe causar pânico ou estresse;


- Não procurar um veterinário se o animal adoecer.


Você estará fazendo um bem para a saúde dele. Estará evitando crias indesejadas e futuros abandonos.


Exemplos:


- Uma cadela e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 73.000 .


- Uma gata e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 240.000 gatos.


- Não há lares para tantos animais assim, por isso CASTRE O SEU BICHINHO!


- Antes de ter um animal saiba que cães e gatos vivem em média 12 anos.


- ADOTE um animal de rua, você estará ajudando uma vida!


- VACINE regularmente seu animal.


- CASTRE os machos e as fêmeas.


- NUNCA bata em seu animal, ele sente dor.


- ABRIGUE seu animal da chuva, do sol e do frio.


- NUNCA deixe seu animal sem água ou comida!


- NÃO deixe seu animal preso a correntes!


- Passa fome, sede e frio.


- É vítima de atropelamentos, espancamentos, estupros e mutilações.


- Quando vai para a carrocinha, é morto de forma cruel!


- Envenenar, golpear, agredir fisicamente ou mutilar um animal;


cães


- IDENTIFIQUE SEU ANIMAL: Coloque coleira com plaqueta, com o seu nome, endereço e telefone.


DIGA NÃO À CRUELDADE - JUNTE-SE A NÓS NESSA LUTA


CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR


WWW.PEA.ORG.BR


ANIMAIS CAPTURADOS PELA CARROCINHA: TORTURA, SUPERLOTAÇÃO, CANIBALISMO, MORTE


C

MALTRATAR ANIMAIS É CRIME PREVISTO EM LEI!


EXEMPLOS DE MAUS-TRATOS:


PROCURE UM VETERINÁRIO E CASTRE O SEU ANIMAL!


POSSE RESPONSÁVEL!


O QUE ACONTECE COM UM ANIMAL ABANDONADO


- NÃO ABANDONE - ISSO É CRIME PREVISTO EM LEI.


- DENUNCIE - ISSO É UM ATO DE CIDADANIA.


Praticar maus-tratos contra animais é crime previsto no art. 3º do Decreto Federal 24.645/34.


- Se você presenciar alguém abandonando ou mal-tratando um animal, você deve denunciá-lo à delegacia!


- Se você maltratar ou abandonar um animal você estará cometendo um crime e poderá ser condenado por isso!


- Abandono de animais;


- Manter animal trancado em locais pequenos ou sempre preso a correntes,


- Manter animal em lugar sem higiene;


- Utilizar animal em shows que possam lhe causar pânico ou estresse;


- Não procurar um veterinário se o animal adoecer.


Você estará fazendo um bem para a saúde dele. Estará evitando crias indesejadas e futuros abandonos.


Exemplos:


- Uma cadela e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 73.000 .


- Uma gata e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 240.000 gatos.


- Não há lares para tantos animais assim, por isso CASTRE O SEU BICHINHO!


- Antes de ter um animal saiba que cães e gatos vivem em média 12 anos.


- ADOTE um animal de rua, você estará ajudando uma vida!


- VACINE regularmente seu animal.


- CASTRE os machos e as fêmeas.


- NUNCA bata em seu animal, ele sente dor.


- ABRIGUE seu animal da chuva, do sol e do frio.


- NUNCA deixe seu animal sem água ou comida!


- NÃO deixe seu animal preso a correntes!


- Passa fome, sede e frio.


- É vítima de atropelamentos, espancamentos, estupros e mutilações.


- Quando vai para a carrocinha, é morto de forma cruel!


- Envenenar, golpear, agredir fisicamente ou mutilar um animal;


cães


- IDENTIFIQUE SEU ANIMAL: Coloque coleira com plaqueta, com o seu nome, endereço e telefone.


DIGA NÃO À CRUELDADE - JUNTE-SE A NÓS NESSA LUTA


CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR


WWW.PEA.ORG.BR


ANIMAIS CAPTURADOS PELA CARROCINHA: TORTURA, SUPERLOTAÇÃO, CANIBALISMO, MORTE


MALTRATAR ANIMAIS É CRIME PREVISTO EM LEI!


EXEMPLOS DE MAUS-TRATOS:


PROCURE UM VETERINÁRIO E CASTRE O SEU ANIMAL!


POSSE RESPONSÁVEL!


O QUE ACONTECE COM UM ANIMAL ABANDONADO


- NÃO ABANDONE - ISSO É CRIME PREVISTO EM LEI.


- DENUNCIE - ISSO É UM ATO DE CIDADANIA.


Praticar maus-tratos contra animais é crime previsto no art. 3º do Decreto Federal 24.645/34.


- Se você presenciar alguém abandonando ou mal-tratando um animal, você deve denunciá-lo à delegacia!


- Se você maltratar ou abandonar um animal você estará cometendo um crime e poderá ser condenado por isso!


- Abandono de animais;


- Manter animal trancado em locais pequenos ou sempre preso a correntes,


- Manter animal em lugar sem higiene;


- Utilizar animal em shows que possam lhe causar pânico ou estresse;


- Não procurar um veterinário se o animal adoecer.


Você estará fazendo um bem para a saúde dele. Estará evitando crias indesejadas e futuros abandonos.


Exemplos:


- Uma cadela e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 73.000 .


- Uma gata e seus filhotes podem gerar em 6 anos, até 240.000 gatos.


- Não há lares para tantos animais assim, por isso CASTRE O SEU BICHINHO!


- Antes de ter um animal saiba que cães e gatos vivem em média 12 anos.


- ADOTE um animal de rua, você estará ajudando uma vida!


- VACINE regularmente seu animal.


- CASTRE os machos e as fêmeas.


- NUNCA bata em seu animal, ele sente dor.


- ABRIGUE seu animal da chuva, do sol e do frio.


- NUNCA deixe seu animal sem água ou comida!


- NÃO deixe seu animal preso a correntes!


- Passa fome, sede e frio.


- É vítima de atropelamentos, espancamentos, estupros e mutilações.


- Quando vai para a carrocinha, é morto de forma cruel!


- Envenenar, golpear, agredir fisicamente ou mutilar um animal;


cães


- IDENTIFIQUE SEU ANIMAL: Coloque coleira com plaqueta, com o seu nome, endereço e telefone.


DIGA NÃO À CRUELDADE - JUNTE-SE A NÓS NESSA LUTA


CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR CUIDE BEM DO SEU ANIMAL - SEJA ELE QUAL FOR


WWW.PEA.ORG.BR


ANIMAIS CAPTURADOS PELA CARROCINHA: TORTURA, SUPERLOTAÇÃO, CANIBALISMO, MORTE


rueldades com Animais

A CONDUTA DAS CARROCINHAS


aline

Cristina Domingues

254 Mensagens

Postada em - 09/02/2007 :  17:10:03  Mostrar perfil  Incluir mensagem com citação  Incluir mensagem

Oi Karen,


 


Coprofagia não é doença. Pode até surgir por causa de uma doença (problemas de estômago, giárdia...).


Coprofagia é mais comportamental. O seu cachorro é como o meu. Se eu descuidar ele mexe nas fezes. Por isso eu dou comida e logo levo para passear. Na rua ele também não liga.


Desta forma, sinto lhe informar, mas seu cachorro tem sim coprofagia


 


Cris

Inicio da página

sandro santoro

2100 Mensagens

Postada em - 11/02/2007 :  14:10:46  Mostrar perfil  Incluir mensagem com citação  Incluir mensagem

Karen,


Este ato denominado coprofagia, até o presente momento, não tem uma explicação sobre.



 


Para tanto, trago algumas explicações existentes em literaturas sobre o problema:



 


 . Deficiência metabólica ou doença



 


a)Cães que comem fezes de outras espécies animais podem fazê-lo por que estas podem ser nutritivas, palatáveis e, por causarem poucos problemas, ou representarem um petisco apreciado pelo cão. Comer fezes pode não ser repugnante para um cão e pode representar uma fonte de alimento.



 


b) Super alimentação: sobrecarregar o sistema digestivo fornecendo alimentação e especialmente a base de ração uma única vez ao dia pode sobrecarregar o
sistema digestivo e consequentemente ocorrer uma má digestão. Assim as fezes apresentaria um alto grau de produtos alimentares não digeridos. Mais tarde
sentindo fome o cão se alimentaria das próprias fezes.



 


c) Baixos níveis protéicos ou alimentação insuficiente (fome).



 


d) Dietas muito ricas em carbohidratos e fibras.



 


e) Deficiência na produção pelo cão de enzimas digestivas.



 


f) Verminoses e carência nutricional.



 


g) Pancreatite crônica.



 


h) Síndrome de mal absorção.



 


2. Razões comportamentais



 


a) As cadelas recém paridas consomem as fezes dos filhotes. Dessa forma mantém o ninho limpo.



 


b) Ansiedade devido a conflito ambiental. Stress ambiental pode contribuir com vários comportamentos incluindo a coprofagia.



 


c) Cães entediados que manipulam fezes como passatempo. (brincadeira ou comportamento lúdico)



 


d) O cão pode ser condicionado a ingerir fezes para receber atenção do proprietário. O comportamento pode ter sido reforçado pela reação emocional do proprietário "Não faça isso Totó !!!!!!!!!"e que significou ganho de atenção.



 


e) As fezes parecem ter um caráter lúdico e ser gratificantes, auto recompensa e serem saborosas.



 


f) Punições excessivas relacionada a eliminações do cão. Cães podem comer fezes para evitar que os proprietários os punam.



 


g) A distribuição errônea do espaço de dormir, alimentar, defecar e urinar. Cães que não dispõem de espaço suficiente e são forçados a defecar em seu espaço de
dormir acabam por ingerir suas fezes para manter o espaço limpo.



 


h) Ansiedade de separação. Cães deixados em casa sem companhia por um longo período de tempo acabam por exibir este comportamento.



 


i) Vício por razões comportamentais. Cães confinados ou presos são mais aptos a desenvolverem coprofagia do que aqueles que estão em companhia humana na
maior parte do tempo. Parece que animais que saem a passeio, recebem maior atenção do dono, são menos isolados e ganham brinquedos podem ter este comportamento diminuído, aliviado.



 


j) Cães selvagens ao se alimentarem da caça iniciam sua alimentação pela ingestão de órgãos abdominais, incluindo ai o intestino e seu conteúdo. Daí as fezes não serem repugnantes para os cães.



 


k) Hereditárias, manifesta-se aproximadamente aos 6-8 meses. Em tais casos o comportamento é considerado normal, onde buscar nutrientes no lixo representou
uma adaptação no processo d evolução e domesticação do cão.



 


Tratamentos propostos



 


Cães jovens podem comer fezes com o propósito de estabelecer uma flora bacteriana intestinal apropriada, no entanto, comer as fezes representa um comportamento não adequado uma vez que as fezes podem ser fontes de infestação de vermes, bactérias e vírus. Por outro lado este comportamento é rejeitado por nós e portanto deve ser tratado, ou modificado.



 


O Tratamento dos casos de coprofagia descritos em literatura não são uniformes. Uma vez que as causas são multifatorias e não sejam bem definidas também tornam a escolha do tratamento muito difícil e as vezes controvertido..



 


Fonte:"Coprofagia em cães: um estudo etológico de caso" - Anais do XV encontro anual de Etologia, nov. 1997, v. 15, p. 391 UFSCar, São Carlos (SP) - Organização SBEt. - Dr. Mauro Lantazman - especialista em coprofagia.



 


MV. André de Almeida Prazeres Gonçalves - CRMV- SP 10.821.



 


Sandro Santoro
Inicio da página

paupes

40 Mensagens

Postada em - 12/02/2007 :  21:28:54  Mostrar perfil  Incluir mensagem com citação  Incluir mensagem

te um produto chamado Bacnatus que faz com que o animal para de ingerir as próprias fezes, existe um representante desse produto na feira de filhotes do Villa Lobos


 


Paulo

Inicio da página

Karen

34 Mensagens

Postada em - 16/02/2007 :  11:03:03  Mostrar perfil  Click to see Karen's MSN Messenger address  Incluir mensagem com citação  Incluir mensagem

tem um item que vc me respondeu que fala dieta muito rica em carboidratos, a unica coisa que dou para ele comer é a ração Royal canin Indoor Junior, será que é necessário dar mais laguma coisa para ele.


é a primeira vez que tenho cachorro e estou perdida.


 


Obrigada.


Karen!
Inicio da página

sandro santoro

2100 Mensagens

Postada em - 16/02/2007 :  12:21:26  Mostrar perfil  Incluir mensagem com citação  Incluir mensagem

   Oi Karen,


   O citado estudo aponta, ou tenta apontar, algumas causas da coprofagia.


   Assim, o ponto sobre dieta rica em carboidratos pode ser um dos fatores e não o único fator causador.


   A ração ofertada é de excelente qualidade, portanto, muito bem balanceada, dispensando, assim, qualquer tipo de complemento.


   O referido estudo não é preciso, até mesmo em razão de não se conhecer muito sobre o problema.


    A coprofagia é realmente um problema que causa certa preocupação. Porém, não devemos nos desesperar, pois todos os métodos para solucionar tal problema são ineficazes, apenas resolvem de forma momentânea, ou seja, são paliativos.


   


Sandro Santoro
Inicio da página

iraci teixeira

1 Mensagens

Postada em - 07/03/2011 :  08:33:02  Mostrar perfil  Click to see iraci teixeira's MSN Messenger address  Incluir mensagem com citação  Incluir mensagem
gostaria que a zoonoses tomase as devidas providencias pois na rua projetada nr 30 jd diogo,guarulhos, existem varios cachorros soltos sem donos na ruas, causando dor de cabeça aos moradores , pois correm atras das crianças , rasgao os lixos, e fazem muita arruaça durante a noite, por favor existe alguma maneira da zoonoses retirar estes cachoros , pois todos sao sem donos.
IRACI TEIXEIRA
Inicio da página
  Tópico anterior Tópico Próximo tópico  
 Novo tópico  Responder o tópico
 Imprimir
Ir para:
Site do Cachorro © 2000-2002 Snitz Communications Topo da página
Snitz Forums 2000